You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.

Notícia

Novembro Azul: câncer de próstata é um dos que mais matam homens no Brasil

O Novembro Azul é um movimento mundial que acontece durante o mês de novembro para reforçar a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata. A doença é o segundo tipo de câncer mais comum entre os homens brasileiros, de acordo com o Inca (Instituto Nacional de Câncer). As maiores vítimas são homens a partir dos 50 anos, além de pessoas com presença da doença em parentes de primeiro grau, como pai, irmão ou filho.

Aliás, você sabia que o Novembro Azul, uma das campanhas de conscientização de saúde mais importantes do mundo, nasceu no Brasil? Em 2011, inspirada pelo movimento australiano Movember (Moustache/November, em livre tradução Bigode/Novembro) e pela campanha internacional Outubro Rosa, para o câncer de mama, a fundadora e presidente do Instituto Lado a Lado pela Vida, Marlene Oliveira, decidiu lançar o Novembro Azul.

Em pouco tempo, a campanha ganhou projeção e se transformou em uma ação de domínio público: foi abraçada por instituições governamentais, ONGs, empresas e pela sociedade civil, transformando-se em uma grande mobilização que engaja milhões de pessoas.

Tudo começou em 2008, quando o Instituto Lado a Lado pela Vida lançou a sua primeira campanha “Um Toque, um Drible”, com o objetivo de promover a mudança de comportamento dos homens em torno do hábito de consultar um médico e realizar exames preventivos de saúde e dos exames para o diagnóstico precoce do câncer de próstata. Mas até hoje, o principal exame, o de toque, ainda é um tabu entre os homens.

Para se ter uma ideia da gravidade, a cada dia 42 homens morrem em decorrência do câncer de próstata e aproximadamente 3 milhões de brasileiros vivem com a doença.