BLOG





Dicas para você cuidar da sua Tireoide

A Tireoide é uma glândula muito importante para garantir o bem-estar e o bom funcionamento do nosso organismo. Para que ela funcione e continue exercendo a sua função corretamente precisamos tomar alguns cuidados para preservá-la. Por isso, no artigo de hoje trouxemos algumas dicas para você cuidar da sua Tireoide, confira!

O que é Tireoide?

A Tireoide é uma glândula, que possui o formato de uma borboleta e está localizada na parte anterior do pescoço, logo abaixo do conhecido Pomo de Adão ou Gogó. Para a surpresa de muitas pessoas, que não aconhecem, a Tireoide é uma das maiores glândulas do corpo humano, podendo chegar a pesar entre 15 a 25g em uma pessoa adulta.

Qual é a função da Tireoide no organismo?

A Tireoide tem como função regular diversos órgãos importantes do nosso corpo, como o cérebro, coração, fígado e rins. Além de sera responsável por produzir os hormônios T3 (triiodotironina) e T4 (tiroxina),que agem em quase todos os sistemas do organismo.

A glândula ainda está presente em processos essenciais do corpo humano, como o crescimento e desenvolvimento de crianças e adolescentes,peso, ciclos menstruais, fertilidade, controle emocional, humor, concentração e memória.

Ou seja, somando tudo, a Tireoide é extremamente importante para o funcionamento correto e harmônico do nosso corpo.

O que acontece com o corpo, quando a Tireoide não funciona corretamente?

A Tireoide é extremamente importante para o nosso organismo,por isso quando ela não está funcionando corretamente, o corpo pode sentir impactos negativos no seu funcionamento.

Esses impactos podem se apresentar de duas formas: com a liberação excessiva ou insuficiente de hormônios, causando Hipotireoidismo ou Hipertireoidismo.

O Hipotireoidismo é causado pela falta dos hormônios produzidos pela Tireoide. Seus principais sintomas são: fadiga, sensibilidade ao frio, constipação, pele seca, ganho de peso inexplicável. Além disso, pode afetar a frequência cardíaca, temperatura corporal e diversos outros aspectos do metabolismo.

Já o Hipertireoidismo é causado pela produção em excesso dos hormônios pela Tireoide. Seus principais sintomas são: batimentos cardíacos acelerados ou irregulares, perda inesperada de peso, sudorese e irritabilidade.Além disso, pode acelerar o metabolismo.

Dicas para cuidar bem da sua Tireoide

Devido a importância dessa glândula para a nossa saúde,devemos tomar algumas precauções básicas para preservá-la. Confira algumas dicas.

Verifique periodicamente a saúde da glândula

Parece óbvio dizer isso, mas muitas pessoas não tem o hábito de realizar exames periódicos, por isso é sempre bom relembrar e reforçar as pessoas a criarem esse hábito. A melhor forma de saber como está a saúde e o funcionamento da sua Tireoide, é através de consultas médicas e exames sanguíneos regulares.A partir deles é possível verificar se a sua Tireoide está funcionando corretamente ou se possui alguma deficiência,podendo assim começar o tratamento de maneira rápida e eficaz. O recomendado pelos médicos é que esses exames sejam realizados a cada seis meses.

Alimente-se de forma saudável

Essa é uma daquelas dicas, que se aplicam em qualquer situação da vida, ter uma alimentação saudável. A Tireoide também é responsável pelo funcionamento correto do nosso sistema imunológico, por isso devemos nos alimentar com qualidade para ingerir todos os micronutrientes necessários para o organismo, como as Vitaminas D, B, C, selênio e zinco por exemplo.

Evite alimentos com agrotóxicos

Uma alimentação saudável já é um ótimo passo para a manutenção e proteção da sua Tireoide, mas uma alimentação sem agrotóxicos é ainda melhor. Essas substâncias fazem um mal imenso a Tireoide, podendo afetar diretamente o seu funcionamento e consequentemente, causar graves consequências ao nosso organismo.

Não utilize utensílios de plásticos

Os utensílios de plásticos, principalmente aqueles utilizados para o armazenamento de alimentos, podem ser inimigos da sua Tireoide.Sim, eles podem prejudicar a glândula, pois podem liberar diversas substâncias,que assim como os agrotóxicos, são perigosas e podem afetar diretamente o funcionamento dela.

Não se automedique

Medicamentos como antibióticos, antiácidos,anti-inflamatórios e antidepressivos podem ser extremamente agressivos com a Tireoide,uma vez que ela é muito sensível a essas substâncias. Por isso, você não deve utilizar medicamentos em excesso e sem a prescrição médica. Além disso, a automedicação pode causar diversos outros problemas em seu organismo.

Nunca se automedique, procure sempre um médico, leia a bula de cada medicamento que for ingerir e esteja ciente dos efeitos colaterais de cada um em seu organismo.

Como você viu, a Tireoide é uma glândula muito importante para o funcionamento correto do nosso organismo, por isso não deixe de cuidar dela. Adote essas dicas como hábitos em sua vida e preze pela sua saúde. Faça sempre consultas e exames sanguíneos regulares.

Gostou do nosso conteúdo? Acesse nosso blog e descubra muitos outros superinteressantes. Aproveite e acompanhe nossas redes sociais para mais dicas: Instagram e Facebook.

E lembre-se, conte sempre com o Laboratório Exame para realizar os seus exames com eficácia e qualidade. Caso queira agendar o seu,ligue para o telefone (18) 3622-0011 ou através do WhatsApp (18) 98119-3963.

LEIA TAMBEM

Qual é a importância de fazer um Check-up?

Ter uma vida saudável requer muito mais atitudes, do que apenas manter uma boa alimentação e a prática de exercícios físicos. Claro, que ambos ajudam e muito a mantê-la, contudo, sozinhos não são suficientes para manter um alto nível de qualidade de vida e a saúde em dia.

Os cuidados com a saúde estão em cada detalhe. Um dos passos mais importantes para manter a saúde em dia é a realização periódica de consultas e exames médicos. Essa visita de rotina possui um nome, são os famosos Check-ups.

Através do Check-up é possível aumentar ainda mais a sua qualidade de vida, mas claro, ele oferece muitos outros benefícios, por isso no artigo de hoje iremos te explicar o que é e qual é a importância de fazer um Check-up. Confira!

 

Oque é um Check-up?

O Check-up, nada mais é do que uma avaliação médica de rotina, na qual são realizados exames específicos, levando em consideração diversas características pessoais do paciente, como sua idade, sexo, histórico familiar, etc.

 

Como o  Check-up interfere efetivamente na saúde do paciente?

O Check-up atua na vida do paciente de forma preventiva, ou seja, através dele é possível identificar alterações no organismo, problemas e/ou doenças. Muitas delas podem não apresentar nenhum tipo de sintoma, por isso só são detectadas através da realização de exames periódicos que avaliam o seu organismo.

 

Quais são os benefícios de realizar um Check-up?

Obter um diagnóstico precoce é um ponto-chave para obter sucesso no tratamento da maior parte das doenças e aí está a importância da realização do Check-up.

Ele auxilia na prevenção de doenças, possibilitando a busca por informação em estágios não avançados ou evoluídos da doença, além da possibilidade de realizar ações preventivas para amenizar as chances de adquirir doenças ou piorar o quadro de alguma.

Dentre essas ações estão as vacinações, uma dieta equilibrada, criar uma rotina de exercícios físicos, orientação para hábitos mais saudáveis, como deixar defumar ou de ingerir bebidas alcoólicas.

 

A importância de fazer um Check-up

Já deu para perceber o quão benéfico o Check-up pode ser para a sua saúde. Mas claro, que eles vão muito além disso.

 

Trate sua saúde como prioridade

Saúde não tem preço! Essa é uma máxima, que você muito provavelmente já ouviu falar e que todos devemos levar muito a sério. Sim, esse é um fato, saúde realmente não tem preço e ela é o nosso principal bem, por isso fazer um Check-up com certa frequência é ter uma responsabilidade consigo mesmo, é demonstrar autocuidado e preocupação com a própria saúde.

Diversos benefícios vêm a partir da realização de um Check-up.

Quando temos a saúde em dia, ficamos mais propensos a ter uma redução de estresse, ansiedade e nos focamos mais no presente e até traçamos com mais vigor metas e planos para o futuro, tendo em mente uma saúde em dia.

 

Previna doenças

Como já citamos, muitas vezes nosso corpo não dá sinais deque algo está errado. Existem diversas doenças que são assintomáticas, ou seja, que não apresentam quaisquer sintomas visíveis ou aparentes e isso não significa, que ela não está agindo e afetando o seu organismo. Por isso, a realização de um Check-up é mais do que essencial para identificar doenças como essas e iniciar o tratamento da forma mais rápida possível.

Qualquer doença, independentemente de seu tipo, possui mais chances de ser tratada a partir de um diagnóstico precoce. Identificando-as em um estágio inicial os tratamentos são muito mais eficazes e potentes, oferecendo ao paciente maiores chances de obter sucesso e ser curado.

 

Conheça seu histórico familiar

Outro ponto que muitos desconhecem, é que diversas doenças podem ser herdadas devido a própria genética. Conhecer o histórico de saúde dos membros da sua família, é mais do que importante e pode até mesmo ser o primeiro passo para a prevenção e detecção de doenças em seu estágio inicial.

Alguns exemplos de pessoas, que na família possuem casos de doenças cardiovasculares, câncer e diabetes, estão mais propensas a desenvolverem essas enfermidades. Daí surge a importância da realização de um Check-up. A partir dele as doenças serão descobertas logo no início e os tratamentos terão muito mais chances de sucesso.

 

Redobre os cuidados ao atingir uma idade avançada

Independente da idade, é essencial manter o cuidado com a saúde e se prevenir. Contudo, ao entrar na idade mais avançada, mais especificamente após os 40 e 50 anos, a prevenção torna-se ainda mais essencial. Isso acontece, pois com o passar dos anos o corpo passa por transformações, que mudam nosso organismo, deixando por exemplo nosso sistema imunológico mais vulnerável, nossa capacidade de recuperação mais lenta e esses dois pontos tornam mais propício o surgimento de outras doenças.

Por isso, ao chegar aos 40 e 50 anos, os cuidados devem ser redobrados e eles se tornam essenciais para que chegue na terceira idade com saúde e tenha uma boa qualidade de vida. Nesse momento, uma boa opção é procurar por um bom geriatra, pois ele é um tipo de médico focado na prevenção e tratamentos de doenças, que estão associadas a idade.

 

Cuidados especiais para mulheres

As mulheres possuem características específicas em seus corpos, que requerem atenção e cuidados redobrados. Uma das características que mais necessitam de cuidados especiais é o sistema reprodutivo.

Para que sejam identificadas doenças previamente e as doenças sejam tratadas com eficácia, anualmente devem ser realizados alguns exames, como:

  • Mamografia – tem como objetivo avaliar as alterações nas glândulas mamárias. Este é recomendado para mulheres acima dos 40 anos de idade, contudo aquelas que possuem histórico de doenças na família, devem começar aos 30;
  • Papanicolau – tem como objetivo identificar alterações no colo do útero;
  • Ultrassom endovaginal – tem como objetivo a avaliação detalhada dos órgãos presentes na região pélvica.

 

Quais são os exames realizados em um Check-up?

Diversos exames podem ser realizados em um Check-up, isso vai depender de cada organismo e das necessidades, que o seu médico identificar, contudo os mais comuns de serem realizados são:

  • Colesterol e Glicemia – proporciona a análise da concentração de gorduras e açúcares presentes na circulação sanguínea;
  • Eletrocardiograma – avalia o sistema cardiovascular através do uso de eletrodos;
  • Hemograma – avalia o estoque de células vermelhas e brancas no organismo através do exame de sangue;
  • Mamografia – avalia a situação das glândulas mamárias;
  • Ultrassom – avalia a situação dos órgãos e tecidos do corpo.

Claro, esses não são os únicos exames solicitados em um Check-up, como citamos acima, são os mais comuns. Contudo, o seu médico irá avaliar o seu estado, as suas características e avaliar a necessidade de indicar e solicitar a realização de exames mais específicos ou até mesmo o encaminhamento para outro especialista.

 

Com esse artigo você conseguiu entender qual é a importância de fazer um Check-up e notar, que através dele é possível prevenir doenças com eficácia, identificar doenças previamente e realizar tratamentos com mais eficiência. Por isso, realize o Check-up regularmente.

Gostou do nosso conteúdo? Acesse nosso blog e descubra muitos outros superinteressantes. Aproveite e acompanhe nossas redes sociais para mais dicas: Instagram e Facebook.

E lembre-se, conte sempre com o Laboratório Exame para realizar os seus exames com eficácia e qualidade. Caso queira agendar o seu, ligue para o telefone (18) 3622-0011 ou através do WhatsApp (18) 98119-3963.


A importância de manter exames regulares para a saúde cardíaca

Setembro Vermelho: Cuide do seu Coração!

Campanha de combate às doenças cardiovasculares 

A saúde do coração é o primeiro passo para um corpo mais saudável. Para conquistar isso, é necessário contar com hábitos saudáveis e manter o acompanhamento com exames de rotina em dia.

E para alertar sobre a importância da saúde do coração, manifestando todos os cuidados que devem ser tomados, chega o Setembro Vermelho.

O Setembro Vermelho é uma campanha,que foi criada pelo Instituto Lado a Lado pela Vida, com o objetivo de informa re ensinar a população como ter um coração mais saudável.

O mês não foi escolhido por acaso, mas sim porque no dia 29 de Setembro é celebrado o Dia Mundial do Coração, criado pela Federação Mundial do Coração, dia aliás, criado para registrar a importância dos cuidados com a saúde do coração, que tem o objetivo de alertar e conscientizar a população, assim como a campanha faz durante o mês todo.

A conscientização auxilia na prevenção e com diagnóstico precoce, as chances de evitar as doenças ou melhorar são bem maiores,além disso exames regulares somados a hábitos saudáveis, podem fazer o coração bater cheio de saúde.

Por isso no artigo de hoje vamos falar mais sobre esse assunto tão importante, confira!

O Coração e as doenças cardiovasculares

O coração é estruturado basicamente por músculos, é o órgão responsável por garantir a circulação de sangue por todo o nosso corpo e também pela distribuição de oxigênio e nutrientes. Ele cuida da frequência cardíaca e da pressão arterial, dois dos principais sinais vitais do corpo.

Doenças Cardiovasculares são enfermidades que afetam o coração ou vasos sanguíneos. A maioria dessas doenças é resultado de problemas crônicos, que ao longo do tempo se desenvolvem.

Segundo a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), as doenças cardiovasculares são a principal causa de morte no mundo. A estimativa é, que anualmente cerca de 17,5 milhões de pessoas morrem vítimas de problemas cardiológicos, isso representa 31% de todas as mortes no planeta. A cada 3 mortes, 1 é causada por doença cardiovascular.

A principal causa de morte em pessoas de 40 a 65 anos são doenças cardiovasculares e cerca de 20% das mortes em pessoas na faixa etária de 30 anos.

A cada minuto, 1 pessoa morre vítima de doenças cardiovasculares no mundo. No Brasil não é diferente, cerca de 33%dos óbitos no país estão relacionados ao coração.O país aliás, está entre os 10 países com mais mortes causadas por doenças cardiovasculares.

Principais Doenças Cardiovasculares

As doenças que mais matam no mundo,relacionadas a problemas no sistema cardiovascular são: Acidente Vascular Cerebral (AVC),Infarto do Miocárdio, Insuficiência Cardíaca e Hipertensão Arterial.

Acidente Vascular Cerebral: o AVC ocorre quando há rompimento ou obstrução de artérias responsáveis em levar oxigênio ao cérebro. Essa falta de circulação sanguínea em determinada área do cérebro, ou seja, sem sangue, podem fazer com que os neurônios na região afetada morram,devido falta de nutrientes e oxigênio. A hipertensão é a responsável por cerca de 80% dos casos de AVCs.

O AVC, popularmente conhecido como derrame cerebral, é a principal causa de incapacidades físicas e mentais e é a maior causa de morte no Brasil, inclusive a frente dos casos de infartos.

Há 2 tipos de AVC, o Isquêmico, mais comum, quando ocorre obstrução de um vaso sanguíneo e o Hemorrágico, quando há rompimento de algum vaso cerebral.

Sintomas Comuns: Confusão mental súbita; Formigamento,fraqueza ou diminuição da força de um lado do corpo; Dor de cabeça súbita e intensa; Alterações da fala, dificuldades de compreensão e desvio labial; Perda da visão em um dos olhos subitamente;Desmaio.

Infarto do Miocárdio: A doença acontece devido a diminuição do fluxo de sangue bombeado do coração para o restante do corpo. Isto é, ocorre um bloqueio do fluxo sanguíneo, com isso o volume é insuficiente para atender todas as necessidades de oxigênio e nutrientes do organismo. E isso pode acarretar em limitações na realização de atividades da rotina.

Os especialistas consideram 5 tipos de infartos com suas características e agravamentos.

Outra coisa é que muitas pessoas usam o termo ataque cardíaco para definir o infarto, porém ele bem mais abrangente, pois várias complicações podem gerar um ataque cardíaco, como uma parada cardíaca.

Sintomas Comuns: Dor no peito, em geral persistente (entre 20-30 minutos); Dor na região próxima a estômago,costas ou braço esquerdo; Formigamento nos membros superiores; Falta de ar;Palidez, tontura e suor frio.

Insuficiência Cardíaca: A doença é caracterizada pela diminuição do fluxo de sangue bombeado do coração para o restante do corpo.  Essa incapacidade com baixo volume, torna insuficiente para atender todas as necessidades de oxigênio e nutrientes do organismo.  Há dois tipos de insuficiência cardíaca: a Sistólica, quando o músculo não consegue bombear o sangue para fora do coração corretamente e a Diastólica, quando os músculos do coração ficam rígidos e não funcionam adequadamente.

Sintomas Comuns: Falta de ar; Inchaço dos pés e pernas; Palpitações; Tosse seca; Cansaço excessivo.

Hipertensão Arterial: A conhecida pressão alta é uma doença crônica em que os níveis da pressão sanguínea nas artérias são elevados.

A pressão sanguínea é apresentada em milímetros de mercúrio (mmHg) e quando a pressão fica maior ou igual a 14(máxima) por 9 (mínima), a pessoa é considerada hipertensa. A pressão alta é o risco para outras doenças cardiovasculares ou renais. O ideal é que a pressão sanguínea seja de 12 por 8.

A doença afeta homens e mulheres,principalmente após os 60 anos, quando a proporção de casos é maior que 50% da população. No Brasil, 1 em cada 4 pessoas sofre de hipertensão e infelizmente essa doença é causa de doenças cardiovasculares graves, como AVC e infarto,podendo levar a morte.

Deve-se ficar atento, pois a hipertensão é silenciosa, apresenta alguns sintomas, mas alguns já são sinal de que o caso se agravou.

A obesidade está vinculada à hipertensão, assim como o consumo excessivo de sal em pessoas geneticamente predispostos, que podem alterar e aumentar os valores da pressão arterial.

Sintomas comuns: Enjoo;Dor de cabeça;Dor na nuca;Sonolência;Zumbido no ouvido;Pequenos pontos de sangue nos olhos;Visão dupla ou embaçada;Dificuldade para respirar;Inchaço; Palpitações cardíacas.

Existem também outras doenças cardiovasculares, comuns, mas essas menos letais, como: Arritmia, Angina, Aterosclerose, Doença Vascular Periférica, Miocardite,Endocardite e tumores.

Fatores de Risco

Os principais fatores de risco para os problemas cardiovasculares são:Hipertensão, Diabetes, Dislipidemia, Estresse, Tabagismo, Obesidade,Sedentarismo, doença da Tireoide e histórico familiar, ou seja, predisposição genética. Além disso, o uso de drogas ilícitas, como a cocaína pode levar ao infarto agudo do miocárdio.

Os fatores de riscos comportamentais, ou seja, os maus hábitos podem antecipar ou agravar o aparecimento de doenças cardiovasculares.

Exames de rotina e a prevenção

É muito importante ressaltar a importância da prevenção e isso inclui a realização de exames periódicos para a saúde do coração. Afinal prevenir realmente é melhor que remediar.

A prevenção começa pelo estilo de vida, claro que muitas doenças têm origem genética, mas elas podem ser adquiridas, por isso é recomendado hábitos saudáveis, como: alimentação equilibrada, a prática de atividades físicas,evitar o uso de cigarro e outras drogas, controlar o peso e fazer visitas regulares ao médico, e claro, exames e um checkup anual.

As campanhas e ações educativas tem o objetivo de reduzir o número de doenças cardiovasculares, mortes e assim gerar corações mais saudáveis.

Se as doenças podem ser evitadas em sua grande maioria apenas com atitudes saudáveis, então por que não as fazer?! Essa é uma mensagem, que deve impactar as pessoas e chegar literalmente a seus corações.

É necessário ficar atento ao nível de colesterol e pressão alta, que são perigosos e silenciosos e claro, adotar uma rotina saudável.

Fazer exames periódicos é fundamental para manter a saúde do coração em dia, essa é uma atitude crucial para verificar a saúde cardíaca.

Inicialmente o Exame de Sangue pode ajudar a identificar o risco de doenças cardiovasculares, nele podem ser observados os níveis: de colesterol,triglicérides, glicemia, função renal e tireoidiana. O exame mais importante para a investigação cardíaca é o Eletrocardiograma, que revela qualquer anormalidade. Há ainda outros exames,como: raios-x de tórax, Ecocardiograma, Teste Ergométrico, Cintilografia Miocárdica, Cateterismo Cardíaco, Monitorização Ambulatorial da Pressão Arterial (MAPA), Holter e Angiotomografia de Coronárias, quando indicados pelos médicos, ajudam a esclarecer e detalhar as doenças cardiovasculares.

Os exames laboratoriais, são exames de fácil realização, de forma simples e rápida, mas são capazes de revelar informações muito importantes.

Há exames não invasivos, como o Eletrocardiograma e o Ecocardiograma e os invasivos como o Cateterismo Cardíaco, que é mais complexo e demorado, mas que irá indicar mais informações complementares.

O Eletrocardiograma por exemplo apresenta a atividade elétrica do coração, já o Ecocardiograma é uma ultrassonografia, que mostra os problemas nas válvulas,fluxos sanguíneos e paredes do coração. Esses procedimentos são adicionais,isto é, são realizados quando o médico cardiologista acha necessário para análise. Já os exames laboratoriais devem ser feitos com frequência, ou seja,pelo menos uma vez ao ano é ideal que sejam feitos, um checkup, que deve ser analisado pelo médico.

Se engana quem acha, que não são necessários exames, pois trata-se do coração, um dos sistemas mais complexos do corpo humano e está sujeito a diversos problemas. Aliás, apesar de os problemas cardíacos se manifestarem geralmente na fase adulta, as crianças também estão sujeitas a diagnósticos como: sopro cardíaco ou arritmias.

O checkup cardiológico é muito importante, inclusive para pessoas que irão iniciar prática de atividades físicas, independente de idade ou sexo, é preciso verificar e receber orientação para a própria segurança e saúde.

O fato é, que muitas vezes a doença cardiovascular já existe, antes mesmo dos sintomas se apresentarem, portanto é inteligente ter todos os cuidados, seu coração agradece. Isto é, qualquer doença, que é descoberta precocemente tem muito mais chances de ser tratada e controlada, assim como as doenças do coração, além disso a prevenção é eficiente também, evitando novos casos.

 

E aí, gostou do texto? Então acesse mais nosso blog e descubra muitos outros artigos superinteressantes. Aproveite para seguir as nossas páginas nas redes sociais e acompanhar mais informações e dicas: Instagram Facebook.

E lembre-se, conte sempre com o Laboratório Exame para realizar os seus exames com eficácia e qualidade. Caso queira agendar o seu, ligue para o telefone (18) 3622-0011 ou através do WhatsApp (18) 98119-3963 (https://bit.ly/2Zhls8g).

 

 

 

 

 

 

 

 


Dicas para você cuidar da sua Tireoide

A Tireoide é uma glândula muito importante para garantir o bem-estar e o bom funcionamento do nosso organismo. Para que ela funcione e continue exercendo a sua função corretamente precisamos tomar alguns cuidados para preservá-la. Por isso, no artigo de hoje trouxemos algumas dicas para você cuidar da sua Tireoide, confira!

O que é Tireoide?

A Tireoide é uma glândula, que possui o formato de uma borboleta e está localizada na parte anterior do pescoço, logo abaixo do conhecido Pomo de Adão ou Gogó. Para a surpresa de muitas pessoas, que não aconhecem, a Tireoide é uma das maiores glândulas do corpo humano, podendo chegar a pesar entre 15 a 25g em uma pessoa adulta.

Qual é a função da Tireoide no organismo?

A Tireoide tem como função regular diversos órgãos importantes do nosso corpo, como o cérebro, coração, fígado e rins. Além de sera responsável por produzir os hormônios T3 (triiodotironina) e T4 (tiroxina),que agem em quase todos os sistemas do organismo.

A glândula ainda está presente em processos essenciais do corpo humano, como o crescimento e desenvolvimento de crianças e adolescentes,peso, ciclos menstruais, fertilidade, controle emocional, humor, concentração e memória.

Ou seja, somando tudo, a Tireoide é extremamente importante para o funcionamento correto e harmônico do nosso corpo.

O que acontece com o corpo, quando a Tireoide não funciona corretamente?

A Tireoide é extremamente importante para o nosso organismo,por isso quando ela não está funcionando corretamente, o corpo pode sentir impactos negativos no seu funcionamento.

Esses impactos podem se apresentar de duas formas: com a liberação excessiva ou insuficiente de hormônios, causando Hipotireoidismo ou Hipertireoidismo.

O Hipotireoidismo é causado pela falta dos hormônios produzidos pela Tireoide. Seus principais sintomas são: fadiga, sensibilidade ao frio, constipação, pele seca, ganho de peso inexplicável. Além disso, pode afetar a frequência cardíaca, temperatura corporal e diversos outros aspectos do metabolismo.

Já o Hipertireoidismo é causado pela produção em excesso dos hormônios pela Tireoide. Seus principais sintomas são: batimentos cardíacos acelerados ou irregulares, perda inesperada de peso, sudorese e irritabilidade.Além disso, pode acelerar o metabolismo.

Dicas para cuidar bem da sua Tireoide

Devido a importância dessa glândula para a nossa saúde,devemos tomar algumas precauções básicas para preservá-la. Confira algumas dicas.

Verifique periodicamente a saúde da glândula

Parece óbvio dizer isso, mas muitas pessoas não tem o hábito de realizar exames periódicos, por isso é sempre bom relembrar e reforçar as pessoas a criarem esse hábito. A melhor forma de saber como está a saúde e o funcionamento da sua Tireoide, é através de consultas médicas e exames sanguíneos regulares.A partir deles é possível verificar se a sua Tireoide está funcionando corretamente ou se possui alguma deficiência,podendo assim começar o tratamento de maneira rápida e eficaz. O recomendado pelos médicos é que esses exames sejam realizados a cada seis meses.

Alimente-se de forma saudável

Essa é uma daquelas dicas, que se aplicam em qualquer situação da vida, ter uma alimentação saudável. A Tireoide também é responsável pelo funcionamento correto do nosso sistema imunológico, por isso devemos nos alimentar com qualidade para ingerir todos os micronutrientes necessários para o organismo, como as Vitaminas D, B, C, selênio e zinco por exemplo.

Evite alimentos com agrotóxicos

Uma alimentação saudável já é um ótimo passo para a manutenção e proteção da sua Tireoide, mas uma alimentação sem agrotóxicos é ainda melhor. Essas substâncias fazem um mal imenso a Tireoide, podendo afetar diretamente o seu funcionamento e consequentemente, causar graves consequências ao nosso organismo.

Não utilize utensílios de plásticos

Os utensílios de plásticos, principalmente aqueles utilizados para o armazenamento de alimentos, podem ser inimigos da sua Tireoide.Sim, eles podem prejudicar a glândula, pois podem liberar diversas substâncias,que assim como os agrotóxicos, são perigosas e podem afetar diretamente o funcionamento dela.

Não se automedique

Medicamentos como antibióticos, antiácidos,anti-inflamatórios e antidepressivos podem ser extremamente agressivos com a Tireoide,uma vez que ela é muito sensível a essas substâncias. Por isso, você não deve utilizar medicamentos em excesso e sem a prescrição médica. Além disso, a automedicação pode causar diversos outros problemas em seu organismo.

Nunca se automedique, procure sempre um médico, leia a bula de cada medicamento que for ingerir e esteja ciente dos efeitos colaterais de cada um em seu organismo.

Como você viu, a Tireoide é uma glândula muito importante para o funcionamento correto do nosso organismo, por isso não deixe de cuidar dela. Adote essas dicas como hábitos em sua vida e preze pela sua saúde. Faça sempre consultas e exames sanguíneos regulares.

Gostou do nosso conteúdo? Acesse nosso blog e descubra muitos outros superinteressantes. Aproveite e acompanhe nossas redes sociais para mais dicas: Instagram e Facebook.

E lembre-se, conte sempre com o Laboratório Exame para realizar os seus exames com eficácia e qualidade. Caso queira agendar o seu,ligue para o telefone (18) 3622-0011 ou através do WhatsApp (18) 98119-3963.