BLOG





Existe algum tipo de alimento que pode atrapalhar o tratamento do câncer?

A alimentação é um ponto que deve ser levado a sério por todas as pessoas, afinal ela interfere diretamente em nossa saúde. Por exemplo, é comprovado que uma dieta pobre em frutas, legumes, verduras e com o excesso de alimentos gordurosos e ultra processados podem fazer mal ao organismo e interferir na qualidade de vida.

Ao realizar o tratamento do câncer, muitos pacientes e seus familiares sentem dúvidas em relação a alimentação, pois tem medo de que determinados alimentos possam interferir no tratamento. Por isso no artigo de hoje iremos te responder se existe algum tipo de alimento, que pode atrapalhar o tratamento do câncer, confira!

 

Algum alimento específico pode realmente atrapalhar o tratamento do câncer?

De acordo com uma pesquisa realizada pela Universidade de Harvard, nos Estados unidos, o aminoácido leucina pode atrapalhar o tratamento do tipo mais comum de câncer de mama.

A leucina é uma substância, que atua na manutenção das células do corpo e auxilia na saúde dos músculos. Está presente em diversos alimentos como carnes, leites e proteínas vegetais.

Os cientistas responsáveis pelo desenvolvimento da pesquisa, realizaram testes em células isoladas no laboratório e a partir dos resultados, descobriram, que ao aumentar os níveis de leucina em conjunto com um tipo específico de tratamento intensificava o crescimento do câncer de mama, agravando o caso. Contudo, foi observado, que a restrição desse nutriente suprimia a atividade maligna da doença.

Esse comportamento da leucina foi observado em um tumor de mama com receptor de estrogênio, subtipo que corresponde a quase 70% dos casos dessa doença.

A ideia é que através da descoberta obtida com a pesquisa, seja utilizada para o desenvolvimento de remédios, que sejam capazes debloquearem a ação da leucina nos tumores.

Contudo a pesquisa ainda não se encerrou. O grupo de cientistas responsáveis está estudando quais são os efeitos no organismo ao cortar alimentos, que contenham leucina da dieta, se isso traz algum tipo de benefício ao corpo ou tratamento.

 

Apontamentos a respeito da pesquisa

Patrícia Jucá, Oncologista e Mastologista da unidade especializada nas mamas do Instituto Nacional do Câncer (INCA) diz: “A relação entre leucina e resistência ao tratamento do câncer de mama com receptor de estrogênio não está bem estabelecida. Os estudos são preliminares, com experimentos realizados em cultura de células e camundongos”.

Ou seja, a ligação ainda pode ser distante quando aplicado em seres humanos. De acordo com especialistas, ao tratar um câncer, é necessário manter uma boa dieta. A hipótese de tirar leucina da alimentação, é retirar proteínas importantes da alimentação, o que ocasiona a perda de massa muscular e força, o que de fato pode prejudicar o paciente e o tratamento dele contra o câncer.

 

Afinal, quais alimentos devem ser evitados no tratamento do câncer?

Não existe nenhum estudo comprovado sobre alimentos, que interfiram de fato no tratamento do câncer, contudo essa doença é severa e o tratamento causa um grande impacto no organismo, por isso a alimentação deve ser extremamente balanceada para que o paciente se mantenha forte durante o processo.

 A falta de apetite é um sintoma associado ao tratamento contra o câncer e isso pode levar a desnutrição. Por isso é ideal para uma boa recuperação, que o paciente mantenha seu peso e garanta uma ingestão adequada de nutrientes em sua dieta, consumindo frutas, verduras e legumes, isso o ajuda a fortalecer seu organismo.

Mesmo não existindo alimentos, que atrapalhem diretamente o tratamento, alguns tipos de alimentos devem ser deixados de lado para uma melhor recuperação, são eles:

 

Alimentos ultra processados

Esse tipo de alimento geralmente possui excesso de sal, açúcar e substâncias como nitrito e nitrato, que são bastante prejudiciais à saúde do paciente. Além disso, esses alimentos podem aumentar a obesidade e gordura visceral, que são considerados fatores de risco para doenças como o câncer de mama, o que consequentemente atrapalha o tratamento.

Alimentos feitos sob fritura

Muitos alimentos, quando expostos ao óleo quente e gorduroso, como acontece no processo de fritura, podem liberar substâncias potencialmente cancerígenas, além disso o próprio óleo pode formar uma substância cancerígena chamada acroleína.

Outro ponto é que os alimentos feitos sob fritura podem provocar quadros de colesterol e de doenças ainda mais graves como infartos ou AVC, por isso devem ser evitados.

Alimentos Açucarados

O excesso de ingestão de açúcar pode provocar doenças como obesidade, que está ligada a alguns tipos de tumores na mama e no trato digestivo. Além disso essa substância pode danificar estruturas celulares do organismo.

Bebidas alcoólicas

O excesso de bebidas alcoólicas está relacionado ao surgimento de tumores na mama, na cavidade oral e no fígado, por isso o recomendado é que ao realizar um tratamento de câncer, evite esse tipo de bebida. Além disso, caso o paciente possua algum tipo de ferida ou machucado na boca, garganta ou trato digestivo, pode ser que o álcool agrave essa situação.

 

O melhor método de ter uma alimentação com todos os nutrientes necessários para a saúde durante um período como o tratamento do câncer é com ajuda profissional, por isso procure também um nutricionista para te auxiliar nessa jornada.

Contudo, fazendo essas restrições alimentares você já está a um passo de ter uma alimentação mais saudável e que ajuda a manter o seu corpo e organismo forte durante o tratamento de câncer. Além disso, evitar esses alimentos te ajuda a evitar várias doenças crônicas como a diabetes e hipertensão.

Mantendo uma alimentação regrada, sem esses itens no cardápio, você também reduz as chances de uma recidiva, ou seja, surgimento deum novo câncer e melhora a sua qualidade de vida.

Quer mais dicas para cuidar da sua saúde e prevenir o câncer de mama? Confira nossos artigos:

·        Saúde da mulher: exames importantes que devem ser realizados periodicamente

·        Qual é a importância de fazer um Check-up?

Gostou do nosso conteúdo? Acesse nosso blog e descubra muitos outros superinteressantes. Aproveite e acompanhe nossas redes sociais para mais dicas: Instagram e Facebook.

E lembre-se, conte sempre com o Laboratório Exame para realizar os seus exames com eficácia, segurança e qualidade. Caso queira agendar o seu, ligue para o telefone (18) 3622-0011 ou através do WhatsApp (18)98119-3963.

 

 

Fonte: Veja Saúde 

LEIA TAMBEM

Exame de sangue – como é feito e para que serve o Hemograma

Bastante solicitado para diversos fins, o Hemograma também conhecido como exame de sangue é extremamente importante para identificação de diversas condições anormais presentes em nosso organismo. Neste artigo explicaremos como é feito e para que serve o Hemograma, o famoso exame de sangue.

 

O que é o Hemograma?

O Hemograma conhecido popularmente como exame de sangue é um exame laboratorial, que avalia informações específicas sobre as principais células, que compõem o sangue:

·      As hemácias (glóbulos vermelhos responsáveis pelo transporte de oxigênio e nutrientes por todo o corpo);

·      Os leucócitos (glóbulos brancos atuantes no sistema imune);

·      As plaquetas (responsáveis pela coagulação).

É utilizado para confirmar ou questionar diagnósticos médicos, além de monitorar tratamentos específicos e verificar se existe alguma alteração que revele um problema de saúde no organismo do paciente.

 

Como é feito o Hemograma?

O Hemograma é realizado através da coleta de sangue feita por punção venosa. Depois o material colhido é levado ao laboratório para que profissionais analisem.

O exame é feito da seguinte forma:

1.     O profissional higieniza a área da coleta com álcool e algodão;

2.     É colocado um elástico (garrote) acima da área da coleta, para que a veia seja encontrada com facilidade;

3.     É realizada a punção venosa, ou seja, uma agulha fina é introduzida na veia;

4.     O sangue é coletado em um tubo de ensaio;

5.     A amostra de sangue é enviada ao laboratório para análise.

 

Como se preparar para o Hemograma?

Para realizar o Hemograma é necessário tomar alguns cuidados, são eles:

·      Não ingerir bebidas alcoólicas 72 horas antes do exame;

·      Evitar exercícios físicos 24 horas antes do exame;

·      Não fumar 3 horas antes do exame;

·      Mantenha uma dieta leve 24 horas antes do exame.

 

Determinados medicamentos podem interferir no resultado do exame, por isso fale com o laboratório no agendamento da coleta, para que eles o instruam sobre a ingestão de medicamentos. Esses preparos são realizados a fim de evitar a desidratação do paciente e outros problemas.

 

Qual é o tempo de duração do Hemograma?

O Hemograma tem curta duração, leva aproximadamente de 5 a 10 minutos para ser realizado.

 

Qual é a periodicidade indicada para a realização do Hemograma?

Geralmente o Hemograma é realizado anualmente por pessoas de todas as faixas etárias e em casos de emergências. Porém consulte o seu médico, ele será o único profissional adequado para indicar uma periodicidade para seus exames. Cada pessoa possui um organismo e rotina de saúde diferente.

 

Para que serve o Hemograma? Quais doenças o Hemograma pode detectar?

Um Hemograma é um exame extremamente eficiente, que pode ser utilizado para detectar diversas doenças e condições diferentes, as principais são:

·      Alergias;

·      Alterações nas plaquetas – seu aumento (plaquetose) ou diminuição (plaquetopenia);

·      Anemia;

·      Câncer, principalmente a leucemia e linfoma;

·      Causas de fraqueza, fadiga, perda de peso e febre;

·      Distúrbios da medula óssea;

·      Hemorragias;

·      Infecções virais, bacterianas e fúngicas;

·      Inflamações;

·      Policitemia.

Além disso o Hemograma pode ser realizado para o acompanhamento de doenças crônicas, como insuficiência renal, artrite reumatoide, doenças pulmonares e outras.

 

Como são apresentados os resultados?

O resultado de um exame de sangue deve ser apresentado por um médico especialista de sua confiança ou que solicitou o Hemograma. Ele é o único que pode analisar os resultados de acordo com seus sintomas e características pessoais, chegando assim a um diagnóstico eficiente.

Não tente entender os resultados sozinho em casa, procure um especialista para que tudo seja devidamente estudado, diagnóstico e você obtenha respostas assertivas.

 

Onde fazer Hemograma em Araçatuba?

Para realizar o exame de sangue com segurança, eficácia e qualidade em Araçatuba, conte com o Laboratório Exame. Basta agendar o melhor dia e horário para você através do nosso WhatsApp: (18) 98119-3963 ou Telefone: (18) 3622-0011.

Estamos localizados na Rua Floriano Peixoto, 817 - Araçatuba/SP.

Lembre-se, manter a saúde é essencial para uma boa qualidade de vida, por isso realize periodicamente suas consultas médicas e exames.

 

Gostou do nosso conteúdo? Acesse nosso blog e confira mais dicas e informações relacionadas à saúde e qualidade de vida. Aproveite e acompanhe nossas redes sociais para mais dicas: Instagram e Facebook.

 


Fevereiro Roxo - conscientização sobre Lúpus, Fibromialgia e Alzheimer

É comum ver campanhas sobre a importância do Setembro Amarelo, Outubro Rosa, Novembro Azul, mas você já ouviu sobre o Fevereiro Roxo? A ascensão da associação dos meses às cores, tem como objetivo criar campanhas de conscientização, permitindo assim que doenças graves tenham visibilidade e a população fique atenta.

A maioria das doenças ressaltadas nas campanhas são graves, nas quais o diagnóstico precoce garante altas chances de tratamentos eficazes e até mesmo de cura. Por isso, é importante que campanhas de conscientização como essas sejam divulgadas.

Estamos no mês de fevereiro, que ganhou a cor roxa. O Fevereiro Roxo é um mês voltado a conscientização sobre Lúpus, Fibromialgia e Alzheimer. Entenda um pouco mais sobre essas doenças e a importância do Fevereiro Roxo.

 

O que é Fevereiro Roxo?

O Fevereiro Roxo surgiu em 2014 na cidade de Uberlândia, em Minas Gerais. O objetivo da campanha é incentivar a prevenção, que busca por um diagnóstico precoce e a importância de proporcionar bem-estar para pessoas portadoras de doenças crônicas.

A campanha não possui um calendário oficial de conscientização, as ações de informação, como palestras e mutirões de saúde, são realizadas normalmente por ONGs, com apoio de prefeituras e governos estaduais.

 

Qual a importância do Fevereiro Roxo?

Você pode se perguntar, por que colocaram doenças tão diferentes em uma única campanha de conscientização? Todas têm algo em comum, são incuráveis, por isso mais do que nunca é essencial que essas doenças sejam identificadas em seus estágios iniciais, para que os sintomas sejam controlados e/ou retardados e o portador viva com mais qualidade de vida.

O principal objetivo da campanha Fevereiro Roxo é incentivar o diagnóstico precoce da Fibromialgia, Lúpus e Alzheimer, assim os portadores podem realizar os devidos tratamentos para viverem com qualidade de vida, mesmo com essas condições.

Essa campanha é importante, pois todas essas doenças apresentam sintomas simples e inofensivos nos estágios iniciais, o que faz com que os portadores não se preocupem e não busquem ajuda profissional, permitindo que a doença se desenvolva e seja descoberta apenas em seus estágios avançados, nos quais já podem ter causados danos irreversíveis.

O Lúpus por exemplo, em seu estágio inicial apresenta apenas vermelhidão na pele. Já a fibromialgia, apresenta dores, fadiga e problemas relacionados ao sono, que normalmente são atribuídos ao estresse. Enquanto o Alzheimer, causa pequenas perdas de memória e confusão mental, que normalmente são atribuídos à idade avançada.

 

O que é Lúpus?

O Lúpus é uma doença crônica inflamatória e autoimune, que pode afetar diversos órgãos e tecidos, como pele, rins, articulações, sistema nervoso, células do sangue, coração, entre outros. Inicialmente pode causar sintomas “simples”, como: fadiga, febre, fraqueza e dores nas articulações por exemplo, o que faz com que muitos não busquem por ajuda profissional.

Por ser uma doença autoimune, atinge o sistema imunológico, que é responsável pela produção de anticorpos, o que pode causar danos graves em todo o organismo. Em doenças autoimunes o sistema imunológico de um indivíduo começa a atacar seus próprios órgãos e tecidos, lidando com eles como se fossem invasores externos, tentando eliminá-los, ou seja, a doença basicamente cria anticorpos contra estruturas essenciais para o bom funcionamento do corpo humano.

Por isso o diagnóstico precoce é extremamente importante, através dele é possível identificar a doença com agilidade e realizar o tratamento adequado para manter a doença sob controle e assim reduzir os sintomas e danos.

 

O que é Fibromialgia?

A Fibromialgia é uma síndrome pouco conhecida, que tem como principal sintoma dores generalizadas em todo o corpo durante longos períodos. Contudo, ainda pode causar outros sintomas como:

·      Sensibilidade nas articulações, músculos, tendões e outros tecidos moles;

·      Fadiga;

·      Dificuldades cognitivas (problemas de concentração, perda de memória, etc);

·      Formigamento em mãos e pés;

·      Distúrbios do sono;

·      Dores de cabeça;

·      Ansiedade.

Seus sintomas são relativamente comuns, por isso em muitos casos não é identificada. Contudo, as dores causadas pela Fibromialgia são constantes e geralmente duram cerca de três meses a cada crise.

Ainda são desconhecidas as causas da Fibromialgia, mas sabe-se que a maioria dos portadores são mulheres, entre 30 a 60 anos de idade. Contudo, a síndrome pode surgir em outras idades, inclusive na infância e na adolescência.

 

O que é Alzheimer?

O Alzheimer é uma doença neurodegenerativa, que conforme evolui vai fazendo com que o portador perca aos poucos, determinadas funções cerebrais, principalmente as que estão relacionadas as memórias, mas também outras relacionadas com suas habilidades de pensamento, linguística e até a capacidade de cuidar de si mesmo.

O principal e mais conhecido sintoma é a perda de memória recente: o portador da doença consegue se lembrar de eventos ocorridos anos atrás, porém não consegue se lembrar de coisas recentes, inclusive que podem ter acontecido no próprio dia.

Normalmente a doença está associada à idade avançada, mas ela pode surgir prematuramente, principalmente em pessoas que já possuem casos na família. A progressão do Alzheimer pode levar de 8 a 12 anos, quanto mais evolui no organismo, mais danifica as funções do portador.

Pontos que são extremamente afetados pela doença são o convívio social, capacidade de atenção e aprendizado. Infelizmente é uma doença incurável, contudo existem tratamentos que podem retardar os sintomas mais graves, principalmente quando o caso é diagnosticado em seu estágio inicial. Daí a importância do diagnóstico precoce.

 

Não ignore quaisquer sintomas apenas por considerá-los comuns. Sempre que sentir algo diferente no organismo procure um médico, faça os devidos exames, assim se você estiver portando alguma doença séria, terá a chance de realizar tratamentos mais eficazes, retardar e amenizar os sintomas, garantindo mais bem-estar e qualidade de vida para você.

Atenção, o mesmo vale para os entes queridos. Se notar quaisquer sintomas diferente neles, incentive-os a procurarem um profissional!

O Fevereiro Roxo é uma campanha, que tem a intenção de promover a conscientização sobre a busca pelo diagnóstico precoce dessas três doenças graves, Lúpus, Fibromialgia e Alzheimer, visando um tratamento eficaz para mais qualidade de vida. Apoie essa campanha, compartilhe esse artigo com os amigos e ajude nessa causa.

 

Gostou do nosso conteúdo? Acesse nosso blog e entenda mais sobre doenças, exames e particularidades sobre a saúde do homem e da mulher. Aproveite e acompanhe nossas redes sociais para saber mais: Instagram e Facebook.

E lembre-se, conte sempre com o Laboratório Exame para realizar os seus exames com eficácia e qualidade. Caso queira agendar o seu, ligue para o telefone (18) 3622-0011 ou através do WhatsApp (18) 98119-3963.


Comece 2021 com a saúde em dia: Faça o Check-up anual

A prevenção é uma das melhores formas de evitar diversos problemas de saúde, no entanto quando surgem ou há o caso de uma reincidência, o diagnóstico precoce aumenta as chances de cura e eficácia de tratamentos.

O Check-up anual é um dos métodos que mais auxilia a detectar doenças e problemas de saúde em estágios iniciais, possibilitando tratamentos ágeis. Para começar o ano bem e com a saúde em dia, é mais do que necessário que homens e mulheres se conscientizem sobre a importância desse ato e realizem o Check-up anual.

 

Quem deve realizar um Check-up?

Qualquer pessoa deve realizar um Check-up para manter a saúde em dia.

 

A partir de qual idade é recomendado realizar um Check-up?

Check-ups são importantes para todas as faixas etárias. Especialistas recomendam que pessoas com mais de 35 anos criem o hábito de realizarem Check-up pelo menos uma vez ao ano. Contudo, existem pessoas com doenças crônicas ou que pertencem a grupos de risco, que devem procurar um médico para que este indique a frequência adequada.

 

Qual é a frequência necessária para a realização de um Check-up?

Normalmente, o Check-up é realizado anualmente. Entretanto, cada organismo funciona de uma maneira específica, por isso o período pode alterar de acordo com as solicitações de seu médico.

 

Qual a importância de fazer um Check-up?

Um pensamento muito comum é, que se não está com nenhum sintoma, é porque a saúde está em dia, logo não precisa procurar por um profissional da saúde para verificar seu estado. Contudo, essa ideia é equivocada, existem muitas doenças assintomáticas e que se manifestam com sintomas em seus estágios mais graves.

O Check-up é um conjunto de exames simples que tem como objetivo identificar doenças variadas, que podem já estarem instaladas em seu organismo sem causar nenhum sintoma. Com esses exames, é possível ter um diagnóstico precoce de doenças e a partir disso realizar tratamentos mais eficazes com mais chances de cura.

Realizar Check-ups periodicamente é uma ação preventiva, que auxilia muito na qualidade de vida.

 

Quais são os exames solicitados em um Check-up?

O Check-up é individual, cada médico indicará exames diferentes de acordo com as características pessoais do paciente, como idade, sexo, histórico familiar, doenças crônicas, hábitos, etc.

Contudo, existem alguns exames que são mais comuns de serem solicitados em Check-ups, são eles:

·      Aferição de pressão;

·      Colesterol;

·      Colposcopia;

·      Eletrocardiograma;

·      Exame da próstata.

·      Exame de fezes e urina;

·      Exames de tireoide;

·      Glicemia;

·      Hemograma;

·      Hepatograma;

·      Raio-X do Tórax;

·      Teste ergométrico;

·      Triglicerídeos.

Claro, além desses exames existem muitos outros que podem ser solicitados pelo médico, inclusive alguns com especialistas para que condições especiais sejam devidamente avaliadas e identificadas.

Outro fator importante de ser ressaltado é que as mulheres devem ter um cuidado redobrado com a saúde, uma vez que possuem especificidades em seu organismo que também demandam atenção, o sistema reprodutivo por exemplo, é uma delas.

Por isso, ao realizarem Check-ups, é comum que os médicos solicitem as mulheres alguns exames específicos como:

·      Papanicolau;

·      Ultrassom endovaginal;

·      Mamografia;

Quer entender mais sobre a saúde da mulher? Clique aqui e saiba quais exames importantes devem ser realizados periodicamente por mulheres. 

 

Quais fatores de risco aumentam as chances de desenvolvimento de doenças no organismo?

Existem alguns fatores de risco que podem diminuir sua qualidade de vida e aumentar as chances do seu organismo desenvolver alguma doença. Mesmo sem apresentar esses sintomas, a busca por um Check-up periódico já é necessária, porém ao possuir qualquer um dos citados, é mais que essencial procurar um médico e levar a sério os Check-ups para manter a saúde em dia e a qualidade de vida alta.

·      Fumar;

·      Possuir uma má alimentação;

·      Sedentarismo;

·      Sobrepeso;

·      Ser portador de doenças crônicas;

·      Ter histórico familiar de doenças crônicas;

·      Apresentar sintomas constantes como dores de cabeça, no corpo, fadiga, palpitação, ganho ou perda de peso repentina;

·      Idade avançada (mais de 60 anos de idade).

 

Comece 2021 com a saúde em dia, faça seu Check-up anual para ter a certeza de que está tudo ok ou para identificar previamente doenças e já começar tratamentos eficazes. Não deixe nunca a sua saúde de lado, leve-a a sério para que no futuro você viva com saúde e muita qualidade de vida.

E lembre-se, sempre que precisar fazer algum exame, conte sempre com o Laboratório Exame para realizar os seus com eficácia e qualidade. Caso queira agendar o seu, ligue para o telefone (18) 3622-0011 ou através do WhatsApp (18) 98119-3963.

Gostou do nosso conteúdo? Acesse nosso blog e descubra muitos outros superinteressantes. Aproveite e acompanhe nossas redes sociais para mais dicas: Instagram e Facebook.